sábado, 27 de abril de 2013

Breve Comentário - Para Maiores

É sempre curioso quando vários astros aparecem em um único filme. Para Maiores é uma produção que conseguiu um elenco com figuras talentosíssimas como Hugh Jackman, Kate Winslet, Naomi Watts e Richard Gere (que aqui fazem coisas bem diferentes daquilo que estão acostumados), além de jovens em ascensão como Emma Stone, Chloë Moretz e Christopher Mintz-Plasse. No entanto, consigo pensar em apenas dois motivos para que esses atores tenham aceitado participar desse projeto: 1) eles trabalhariam com um elenco interessante; 2) o cheque oferecido pelos produtores deve ter sido muito bacana por algo que deve ter levado poucos dias para filmar.
Para Maiores é dividido em uma série de curtas-metragens dirigidos por vários cineastas e que são ligados pela história de três garotos (interpretados por Mark L. Young, Adam Cagley e Devin Eash) que tentam encontrar a todo custo um filme que foi banido em todo o mundo (o Movie 43 do título original). Sendo assim, eles começam a assistir a vários vídeos até encontrar aquele que desejam, em algo que inicia como uma brincadeira, mas que vira bem mais do que isso depois.
O que se segue é uma série de sketches que não fazem muita graça com seu humor politicamente incorreto, que consegue ser incrivelmente estúpido na maior parte do tempo. Os péssimos roteiros dos curtas incluem desde um personagem que conta com uma coisa grotesca no pescoço até outro que se torna uma bomba de cocô. E não posso esquecer o bizarro jogo de “Verdade ou Consequência?” protagonizado por Halle Berry e Stephen Merchant.
Para Maiores acaba sendo uma comédia constrangedora e deplorável do início ao fim. E quando pensamos que tudo acabou, os realizadores ainda fazem questão de colocar o pior segmento (protagonizado por Josh Duhamel e Elizabeth Banks) em meio aos créditos finais. Parabéns aos envolvidos naquele que é, sem dúvida, um dos piores filmes do ano.
Cotação:

2 comentários:

Stella Daudt disse...

Por que não li seu blog ANTES de alugar esse filme??? Prefiro devolver sem assistir...

Hugo disse...

As vezes o diretor ou o produtor tem muita amizade com atores famosos (por consegue facilidades para eles) e consegue a participação dos mesmos por um cachê apenas simbólico.

Sobre o filme, pelo seu texto deve ser uma verdadeira bomba.

Abraço